31 de março de 2014

Clube de Compras Dallas (2013)

Nenhum ator se destacou tanto em 2013 quanto Matthew McConaughey. O grande vencedor do Oscar 2014 por sua atuação em Clube de Compras Dallas entra definitivamente no panteão da sétima arte. Talvez o filme de Jean-Marc Vallée o tenha ajudado, contracenar com Jared Leto em um trabalho de extrema entrega também ajudou, ambos perderam muito peso para interpretarem seus papéis. Mas o talento de McConaughey falou mais alto. O ator deu uma virada incrível em sua carreira, conhecido por interpretar comédias românticas foi no drama que ganhou respeito. No ano que passou podemos destacar três trabalhos, Killer Joe, Amor Bandido e por fim Clube de Compras no qual interpreta um homofóbico portador do vírus HIV. Vale destacar ainda seu trabalho no seriado True Detective que deve leva-lo à disputa do Emmy e Globo de Ouro, vencido por ele como melhor ator de drama também pelo filme de Vallé e ainda a ponta no filme de Scorsese O Lobo de Wall Street.

Jared Leto

Dallas Buyers Club (Clube de Compras Dallas, no Brasil ou O Clube de Dallas, em Portugal) conta a história de Ron Woodroof (McConaughey) um dos primeiros portadores do vírus HIV em uma época que a maioria dos infectados era homossexual, Woodroof heterossexual e homofóbico sofreu preconceito de seus amigos e encontrou em Rayon (Jared Leto, que venceu o Oscar de melhor ator coadjuvante por este papel), um transexual portador do vírus, um dos poucos amigos com quem poderia contar. A questão moral e emocional é gritante neste longa. Não é um filme de muito impacto, os fatos são bem previsíveis, as atuações de Leto e McConaughey são o ponto forte do filme, o que o elevou a candidato de melhor filme no Oscar 2014.


Woodroof e Rayon

Pelo lado moral o destaque é o preconceito de Woodroof com os homossexuais, questão presente em nossa sociedade desde sempre, temos como princípio intrínseco a repulsa ao que nos foge da normalidade, como uma fogueira inquisitiva como luz do século. E entramos no lado emocional e irônico da história, justamente seu maior inimigo que lhe estende a mão. O filme age como fábula do amor em tempos de guerra, na qual dois inimigos se veem cara-a-cara atrás de uma trincheira sem possuírem motivos reais para cometerem seus delitos, quando decidem se ajudarem e se descobrem como alma gêmeas, por mais que defendam bandeiras diferentes seus problemas e anseios são os mesmos, pois somos feito da mesma matéria e o mau é o mesmo em qualquer lugar ou situação.


Garner e McConaughey

O roteiro de Craig Borten e Melissa Wallack conta a história real Ron Woodroof que ajudou no desenvolvimento do AZT. Ao ser diagnosticado sua expectativa de vida era de trinta dias, buscou auxílio da Dra. Eve Saks (Jennifer Garner) com tratamentos alternativos, mas foi em vão. Decidiu abrir um Clube de Compras com a finalidade de comercializar AZT ilegal, já que a FDA, órgão regulador de medicamentos dos Estados Unidos, não permitia sua comercialização enquanto os testes não fossem encerrados. Seu esforço mudou as leis de tratamentos para os portadores do vírus que passaram a poder escolher a forma como queriam se tratar, já que os medicamentos indicados pelos médicos eram extremamente tóxicos e nocivos. Woodroof viveu por sete anos após ter sido diagnosticado. McConaughey disse ao receber o Globo de Ouro: "Esta não é uma história sobre estar morrendo e sim sobre continuar vivendo."

Confira o trailer:

Que o cinema esteja com vocês!




Clube de Compras Dallas (2013) on IMDb